Viagra natural: transforme a sua vida sexual com essas opções - Conversa Pra Homem

Mulheres Bem Resolvidas - Dicas e novidades para tornar a homem mais preparado

Viagra natural: transforme a sua vida sexual com essas opções

A disfunção erétil é um problema cada vez mais comum que afeta parte da população masculina.

No entanto, ao contrário do que acontecia há alguns anos, há soluções que podem ajudar a combater o problema.

A mais conhecida é, sem dúvida, o Viagra.

A famosa pílula azul é unanimidade quando o assunto é falta de ereção e, por isso, é consumida cada vez mais por homens.

Porém, o que muita gente não sabe é que existe uma outra opção.

Trata-se do viagra natural, alternativa bem mais saudável e com menos efeitos colaterais, viu?

Saiba tudo no texto!

Decerto, o viagra natural ou caseiro, na maior parte das vezes, são todos os produtos que fazem parte do nosso cardápio diário, composto de frutas, alimentos e bebidas que contêm uma quantidade de minerais, proteínas, e são fontes de nutrientes e vitaminas.

Disfunção erétil

Dados recentes afirmam que um em cada cinco homens provavelmente experimentou alguma forma de disfunção erétil (DE), já que alguns desses não conseguem atingir ou manter a ereção do pênis durante o sexo.

Aliás, são mais de 100 milhões no mundo todo enfrentando a mesma situação.

Por falar nisso, no Brasil, metade dos homens que passaram dos 40 anos apresentam esse problema.

Mas por que a população masculina vem enfrentando esse problema?

De acordo com um estudo realizado pela Universidade Texas A&M, existem cinco principais causas de disfunção erétil:

  1. Condições médicas: condições médicas graves, como doenças cardíacas, podem ser a origem da disfunção erétil. Acredita-se que a aterosclerose, o estreitamento dos vasos sanguíneos em todas as partes do corpo, seja a causa mais comum de disfunção erétil, e um sinal de alerta de um futuro ataque cardíaco ou derrame.
  2. Medicamentos: certos medicamentos como antidepressivos, anti-histamínicos ou comprimidos para pressão arterial podem dificultar a manutenção de uma ereção.
  3. Angústia emocional: estresse como problemas de relacionamento ou até preocupações financeiras podem levar a problemas de ereção e reduzir a excitação sexual.
  4. Opções de estilo de vida: homens com excesso de peso, fumantes habituais, alcoólatras ​​ou usuários de drogas são mais propensos a sofrer disfunção erétil.
  5. Lesões físicas: tenha cuidado com qualquer atividade física que possa ferir suas genitais, pois lesões nessas áreas do corpo podem causar disfunção erétil.

O Viagra – Solução Mágica?

A princípio, é importante saber que o Viagra é, sem dúvida, um dos medicamentos mais usados para disfunção erétil e problemas de ereção masculina.

Aliás, a substância ativa do Viagra é o sildenafil, que atua na via do óxido nítrico (NO). Ela faz com que esse neurotransmissor seja liberado na corrente sanguínea.

A saber, isso causa o relaxamento dos músculos, a dilatação dos corpos cavernosos e vasos sanguíneos da área genital masculina, e esse relaxamento permite que o sangue entre nas artérias e, consequentemente, na ereção. É um medicamento que atua como um vasodilatador.

No entanto, o sildenafil só pode ajudar a manter uma ereção durante a estimulação física. Parece uma droga milagrosa, não é mesmo? Porém, a coisa não funciona bem assim.

Os riscos do Viagra

Apesar de ser utilizada por vários homens, a pílula azul pode causar alguns efeitos colaterais bem desagradáveis. 

  • Tontura;
  • Visão embaçada;
  • Dor de cabeça;
  • Enjoo;
  • Vermelhidão;
  • Risco de infarto.

Além disso, há também estudos que indicam que a ingestão de medicamentos para impotência como Viagra, Levitra e Cialis pode estar associada a um risco maior de desenvolver melanoma, um tipo de câncer de pele agressivo!

Então, como acabar com esse problema sem ter que sofrer com os temidos efeitos colaterais?

Viagra natural: transforme a sua vida sexual com essas opções

Viagra Natural

Decerto, o viagra natural ou caseiro, na maior parte das vezes, são todos os produtos que fazem parte do nosso cardápio diário, composto de frutas, alimentos e bebidas que contêm uma quantidade de minerais, proteínas, e são fontes de nutrientes e vitaminas.

Aliás, muitas vezes são vendidos em herbalistas na forma de comprimidos, pílulas ou chás.  

Portanto, para aprender um pouco mais sobre esses elementos presentes na natureza e sua associação com algumas doenças, além de seu poder no tratamento da disfunção erétil, apresentamos uma lista com suas respectivas propriedades e benefícios em alguns órgãos do corpo:

Alimentos e minerais

Zinco

É um mineral que está presente em alimentos como fígado, ostras, nozes, sementes e legumes.

Segundo a literatura científica, esse mineral é um nutriente básico para uma função sexual eficiente.

Com as nozes, é alcançada uma ereção duradoura, pois ajuda a dilatar os vasos sanguíneos e artérias, melhorando a libido ou a disposição para as relações sexuais, tornando-se uma alternativa natural ao Viagra.

A dose diária recomendada deste mineral é de 15 gramas.

Melancia

Outra alternativa de viagra natural.

Esta fruta contém uma substância chamada citrulina, presente nas partes vermelha e branca da melancia.

Ela produz uma dilatação dos vasos sanguíneos e melhora o fluxo sanguíneo para o pênis.

Isso melhora as ereções masculinas e aumenta a durabilidade do ato sexual.

Além de tudo, a citrulina ou L-citrulina é uma substância que também está presente na cebola e no alho, e seus efeitos atuam na dilatação dos vasos capilares, que por sua vez tem efeitos positivos no coração, no sistema circulatório e traz benefícios para o sistema imunológico.

Alho

Esse alimento também é conhecido como viagra natural, pois contém alicina, um ingrediente que possui vários benefícios de interesse farmacológico. Ele é liberado quando o bulbo é triturado, cortado ou esmagado.

Além disso, a alicina ajuda a aumentar o fluxo sanguíneo, facilita a circulação e melhora a potência sexual.

Possui efeitos antibióticos, é um agente hipoglicêmico (reduz a glicemia), que promove atividade antitrombóticae possui propriedades antioxidantes, eliminando os radicais livres.

Enfim, ele é até eficaz na prevenção da hipertensão. A dose diária recomendada é de 4 dentes crus.

Esse alimento também é conhecido como viagra natural, pois contém alicina, um ingrediente que possui vários benefícios de interesse farmacológico.

Açafrão

Com toda a certeza o açafrão também é outro viagra natural que a natureza oferece.

Antes de mais nada, essas plantas estimulam as áreas de sensibilidade sexual dos homens e ajudam a melhorar a qualidade e a duração das ereções, e atrasos na ejaculação.

Além disso, esse tempero pode ser consumido em qualquer uma de suas apresentações, seja em xarope, pó, tempero, infusão ou pílula.

Gengibre

O gengibre, um ingrediente comumente usado na culinária asiática, também tem efeitos estimulantes no sistema nervoso central e efeitos afrodisíacos devido à sua ação estimulante.

Olha, ele pode ser comprado em lojas de produtos naturais ou fitoterápicos, e pode ser consumido ralando um pedaço da raiz, adicionando-o a um copo de água fervente.

Deixe descansar por alguns minutos e leve-o à temperatura corporal.

Canela

A canela é outro tempero usado na preparação de sobremesas e mingau.

Este alimento ajuda a melhorar a diabetes e a diminuir o colesterol, o que protege o sistema cardiovascular. Seu efeito afrodisíaco é tradicional e muito reconhecido.

Pode ser consumido por infusão, deixando os palitos ferverem por alguns minutos na água.

Ervas e raízes

Ginseng Vermelho coreano

O ginseng vermelho é uma raiz conhecida por suas propriedades revigorantes e revitalizantes.

Com toda a certeza, é um dos remédios fitoterápicos mais utilizados, também considerado uma fonte de antioxidantes e seu uso sistemático é eficaz no tratamento da disfunção erétil.

Enfim, está provado que consumir diariamente ginseng vermelho aumenta a capacidade física e intelectual. Dessa forma, o corpo tem uma melhor resposta a situações de estresse, fadiga e apatia.

Por isso, também é recomendado para pessoas que precisam de concentração durante o dia de trabalho.

De acordo com testes realizados em um grupo de 45 homens com disfunção erétil, aqueles que consumiram ginseng por oito semanas mostraram melhorias consideráveis ​​em seu funcionamento sexual, em comparação com aqueles que lhes forneceram placebo durante o mesmo período.

Ao contrário dos medicamentos que são tomados em tempo hábil para a disfunção erétil, o ginseng demonstrou ser eficaz se tomado continuamente. A dose recomendada é de 900 mg, três vezes ao dia, durante oito semanas.

Ginkgo Biloba

O ginkgo biloba é outro produto natural que melhora a vida sexual masculina, de acordo com estudos da American Urological Association.

Olha, o extrato das folhas desta árvore é considerado um remédio natural eficaz contra distúrbios relacionados ao envelhecimento.

Também possui efeitos venotônicos, ou seja, promove a circulação sanguínea no sistema venoso, atua como neuroprotetor, vasodilatador, anti-hemorroida, diurético e antioxidante.

Enfim, a dose diária recomendada é de 60 miligramas e os resultados são palpáveis durante a sexta semana de tratamento.

Ioimbina

A ioimbina é uma substância extraída da casca da árvore Pausinystalia yohimbe e já era usada muito antes do Viagra para tratar problemas de disfunção sexual.

Estudos apontam que este fitoterápico tem ação vasodilatadora, estimulando a circulação sanguínea e favorecendo o tônus peniano.

É possível encontrar a ioimbina em forma de pó, extrato ou cápsulas em lojas de produtos naturais ou em farmácias de manipulação.

orionlab

Tribulus terrestris

Considerada um fitoterápico, a tribulus terrestris cresce em climas secos e é usada há muitos anos por especialistas em medicina natural para tratar a impotência.

O agente ativo da planta é a protodioscina, conhecida por estimular a produção de óxido nítrico.

Em outras palavras, essa substância contribui para vasodilatação do pênis e favorece uma ereção mais prolongada.

Ao mesmo tempo, a suplementação de tribulus terrestris também está associada ao aumento dos níveis de testosterona, o principal hormônio masculino, e melhora da libido.

Esse remédio natural pode ser encontrado em forma de pílula, pó ou extrato líquido em casas de produtos naturais.

Marapuama

A Marapuama, também conhecida como “Viagra da Amazônia”, é nativa da região de mesmo nome, muito utilizada como energético e estimulante físico e mental.

Enfim, ela serve para aumentar a libido, combater o estresse e a fadiga, e ainda auxiliar a memória.

Certamente ela é muito eficaz contra a impotência sexual, ejaculação precoce, infertilidade masculina, falta de libido e frigidez, além de ajudar a reduzir a fadiga e dar mais energia para o sexo.

Maca peruana ou ginseng andino

Para os homens, é um dos afrodisíacos mais potentes disponíveis.

Nativa do Peru, o tubérculo, conhecido por conter alto valor nutricional e também aumentar a libido e a fertilidade, é usado há mais de 2 mil anos como estimulante sexual!

Inegavelmente ela é fonte de um aminoácido chamado arginina, uma substância considerada precursora do óxido nítrico. Em outras palavras, ela melhora o fluxo sanguíneo e favorece a ereção.

A maca peruana também estimula a produção de testosterona e melhora a qualidade dos espermatozóides.

Os efeitos podem ser sentidos após 2 semanas de uso contínuo.

Esse suplemento alimentar pode ser encontrado com facilidade em forma de pó ou em cápsulas.

Dicas para combater a disfunção erétil

Certas escolhas podem contribuir para a disfunção erétil em alguns homens.

Pesquisas indicam que a condição pode ser revertida com sucesso em algumas situações, concentrando-se nos fatores do estilo de vida.

Desse modo, as seguintes alterações podem ser úteis para pessoas com disfunção erétil:

  • Ter uma dieta equilibrada: algumas pesquisas sugerem que a ingestão de alimentos ricos em flavonoides, como mirtilos, morangos, amoras e frutas cítricas, pode reduzir a disfunção erétil em homens jovens e de meia idade.
  • Manter um peso corporal saudável: estar acima do peso ou obeso pode causar ou piorar a disfunção erétil.
  • Participar de exercícios regulares: a atividade física pode beneficiar as pessoas com disfunção erétil de várias maneiras. Melhora a circulação, reduz o estresse e contribui para um peso corporal saudável.
  • Parar de fumar: a pesquisa indica uma forte ligação entre a intensidade do consumo de cigarros e o grau de disfunção erétil. Parar de fumar pode melhorar a função erétil em muitos fumantes.
  • Evitar o uso excessivo de álcool e drogas ilícitas: beber demais ou tomar drogas ilegais pode afetar a função sexual dos homens. Fumar maconha pode causar disfunção erétil, hein!
  • Buscar ajuda para problemas psicológicos ou emocionais: lidar com o estresse, ansiedade, depressão e outros tipos de sofrimento emocional pode melhorar ou resolver os sintomas.

Escolha o melhor para sua saúde

Antes de sair por aí gastando todo o seu dinheiro com a famosa pílula azul, experimente um viagra natural e veja os resultados.

Talvez não funcione tão rápido como o medicamento mais popular, porém os efeitos colaterais são menores e os resultados a longo prazo são muito mais eficazes.

Experimente! Sua saúde agradece!

Melhore a sua vida sexual

Em muitos casos, você pode melhorar seus sintomas de disfunção erétil e até curá-la, já que há muitos tratamentos estão disponíveis!

Caso você sofra com esse problema, não desanime e nem se envergonhe!

Por isso, converse com a sua parceira sobre o que está acontecendo e discuta seus sintomas com seu médico, para que ele possa descartar as causas subjacentes e iniciar um plano de tratamento, já!

Além do mais, você também pode seguir algumas dicas no meu e-book “A Energia do Homem” e melhorar o seu desempenho sexual com alguns exercícios.

Gostou do artigo? Tem mais alguma dica que queira compartilhar com a gente? Deixe seu comentário aqui abaixo! Terei prazer de conversar com você!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Nenhuma avaliação)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *